17 de junho de 2017

Lançamento do Debian Stretch


Primeiramente vamos apresentar o Debian: É um sistema operacional de código livre baseado no kernel linux e também é o nome do projeto. Foi iniciado por Ian Murdok em 1993 e conta com o apoio de uma comunidade de programadores voluntários espalhados pelo mundo que desenvolvem o sistema. O projeto é distribuido por meio da licença GPL sem custo para o usuário e é mantido também por meio de doações. O Debian é a base de distribuições mais conhecidas como o Ubuntu e Linux Mint Debian, mas estas possuem empresas envolvidas em seu desenvolvimento. Para saber mais sobre o Debian veja a página oficial do projeto e/ou https://pt.wikipedia.org/wiki/Debian.

No dia 17/06/2017 é lançado do Debian 9, conhecido como Stretch, que vem para substituir o Debian Jessie como versão estável. Seguindo a tradição do Debian, mais uma vez o nome vem de um personagem da animação Toy Story, o polvo.
Segundo a página de lançamento, o Stretch inclui mais de 15346 novos pacotes, num total de mais de 51687 pacotes, 57% dos pacotes de seu antecessor foram atualizados e 13% foram removidos e serão marcados como obsoletos.

Algumas novidades do Debian Stretch
  • Remoção da arquitetura PowerPC e acrescentado suporte para a arquitectura mips64el
  • MariaDB em substituição do MySQL
  • Mudança dos nomes de rede: Eth0 será ens0 ou enp1s1, Wlan0 será wlp3s0.
  • O sistema de instalação também sofreu algumas mudanças. O instalador gráfico passa a ser o padrão em arquiteturas suportadas, e este instalador gráfico possui suporte a mais idiomas. Porém o instalador em modo texto continua como opção.
  • Melhoria de suporte para firmware UEFI.
  • Assim como no Debian Jessie, é possível escolher o ambiente de trabalho durante a instalação ou escolher vários ao mesmo tempo. Saiba que cada ambiente de trabalho possui um conjunto de aplicativos, muitas vezes diferentes porém com a mesma função, portanto, escolhendo vários ambientes de trabalho ao mesmo tempo, você terá vários aplicativos repetidos ocupando espaço e em alguns casos memória ram.

Para quem utiliza o Debian Jessie já é possível atualizar para o Stretch. Para isto, devemos ter alguns cuidados seguindo os passos a seguir: https://www.debian.org/releases/testing/amd64/release-notes/ch-upgrading.pt.html.
Já estão disponíveis as ISOS de instalação para quem deseja fazer uma instalação do zero. Para baixar acesse https://www.debian.org/CD/live/ e escolha sua arquitetura, 32 (i386) ou 64 Bits (amd64).
Em breve mostraremos como fazer uma instalação completa do sistema.
Continue lendo... ››