Mostrando postagens com marcador remasterizar ubuntu. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador remasterizar ubuntu. Mostrar todas as postagens

27 de janeiro de 2013

Remastersys - Um ótimo utilitário de backup para Ubuntu

Após muito trabalho você finalmente conseguiu configurar seu Ubuntu da maneira que desejava, instalou programas que você gosta, removeu programas desnecessários, instalou temas e ícones, modificou as fontes, enfim, deixou o Ubuntu com a sua cara. Então, surge a necessidade de você formatar seu Notebook/PC e você fica desesperado pois precisará configurar tudo novamente e sabe que a trabalheira não será fácil.
Para resolver este problema existe o Remastersys, um utilitário para Debian/Ubuntu que, além de outras funções, realiza um backup completo de seu sistema e gera numa ISO um Live Cd onde você pode acessar o sistema sem instalar no HD, mas também tornando possível a reinstalação do sistema operacional, deixando-o do mesmo modo que ele estava antes da formatação.
O objetivo desta dica é mostrar como funciona o processo de backup utilizando o Remastersys para o Ubuntu mas o processo para Debian praticamente o mesmo.
Primeiramente baixe a versão equivalente à versão de seu Ubuntu. Para versões acima da 12.04 (Precise) a dica é a seguinte:
No terminal, logado como root (sudo su) utilize o comando:
wget -O - http://www.remastersys.com/ubuntu/remastersys.gpg.key | apt-key add -
Este comando baixa as chaves do software.

Edite o arquivo /etc/apt/sources.list com o comando sudo gedit /etc/apt/sources.list e no final do arquivo insira os comandos a seguir:
#Remastersys Precise
deb http://www.remastersys.com/ubuntu precise main

Salve o arquivo.

Para atualizar os pacotes digite:
sudo apt-get update 
Para iniciar, procure pelo remastersys no painel inicial do Unity ou, simplesmente, digite sudo remastersys-gtk no terminal e interface principal estará aberta. Como aqui o foco é apenas a opção de backup a utilização torna-se bem simples, mas é necessário fazer algumas pequenas configurações, então vamos vê-las.
Na figura abaixo estamos na aba Settings e, é nesta aba que configuramos praticamente tudo.

remastersys
No campo Username você pode inserir o nome do usuário principal do sistema operacional que deseja fazer backup, na verdade é desejável que você coloque o mesmo nome pois, poderá ter problemas quando tentar utilizar o backup.
No campo CD Label você pode colocar o nome que deseja dar à sua ISO, que posteriormente, será o nome de seu Cd/Dvd de backup.
No campo Filename vocẽ pode colocar um nome personalizado para o arquivo ISO gerado Ex: Backup_Ubuntu.iso mas, vale lembrar que você sempre deve dar um nome com a extensão .iso no final.
Outro campo importante é o Working directory. Aqui você deve escolher uma pasta onde irá salvar a image ISO gerada, comedo que deixe-o como está e assim sua imagem gerada será salva na pasta /home/remastersys/...
Nas opções seguintes você pode deixar tudo como está e volte para a aba Actions, que é a aba principal.
remastersys
Nesta aba, você pode escolher o usuário que será iniciado como usuário principal e todas as suas configurações serão aplicadas quando você iniciar o Cd/DVD de Backup. Você deve ter cuidado de utilizar um usuário que possua um arquivo /home não muito grande pois a ISO poderá não caber num DVD. O ideal é que você possua seus dados (fotos, músicas, vídeos, arquivos grandes) salvos em outra partição de seu disco rígido.
Realizadas todas as configurações, vamos finalmente realizar o backup. Feche todos os programas, arquivos e janelas abertas e deixe apenas a janela do remastersys. Clique na opção Backup , dê OK na mensagem e aguarde o final do processo, que será um pouco demorado. Detalhe: Não interrompa o processo.
Ao final do processo você terá um backup completo o seu sistema e serão gerados 2 arquivos com o nome que você escolheu lá em cima no campo Filename. Estes arquivos estarão na pasta /home/remastersys/remastersys (ou outra que você tenha escolhido no campo working directory). Você deve gravar o arquivo com a extensão .iso num CD/DVD (sugiro gravar num DVD regravável) após isto, utilize a opção Limpar para remover o arquivos temporários que provavelmente estarão ocupando bastante espaço em seu HD.
Se quiser testar, é só reiniciar o PC/Notebook com o CD/DVD gerado. Você irá se deparar com o gerenciador de inicialização, escolha a opção de live cd se quiser apenas rodar como um live cd, mas também poderá escolher a opção de instalar.
Dica preciosa: Não recomendo que você grave a ISO num Pendrive pois, na hora da instalação dá um erro, não instala o Grub e a instalação não termina, isto não ocorre quando gravado num CD/DVD.